Titina Medeiros brilha em novela da Globo como primeira prefeita do Brasil eleita no RN

Os telespectadores foram surpreendidos na noite de hoje (12), pela interpretação da atriz potiguar Titina Medeiros, na novela “Amor Perfeito”, da Rede Globo. Titina deu vida a uma figura histórica que deixou forte marca na política nacional: Alzira Soriano, a primeira mulher eleita prefeita no Brasil e na América Latina.

A história de Alzira Soriano é um testemunho do pioneirismo das mulheres na política, especialmente no Rio Grande do Norte. Em 1928, numa época em que as mulheres ainda não tinham o direito ao voto em todo o Brasil, Alzira quebrou barreiras ao ser eleita prefeita da cidade de Lajes, no interior do estado.

A eleição de Alzira Soriano ocorreu graças a uma lei estadual que autorizava a participação das mulheres na política potiguar. “No Rio Grande do Norte poderão votar e ser votados, sem distinção de sexos, todos os cidadãos que reunirem as condições exigidas por esta lei”, diz o texto da Lei Estadual 660, de 25 de outubro de 1927, conforme registro do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN).

Alzira Soriano, de 32 anos, não apenas votou como disputou e venceu as eleições municipais daquele ano em Lajes, um pequeno município no interior do Rio Grande Norte.

Na novela “Amor Perfeito”, a interpretação magistral de Titina Medeiros trouxe à vida essa figura icônica da história política brasileira.

Fonte: Hilneth Correia