Empresário Potiguar, reúne-se em BSB com Senadores e Deputados

O empresário potiguar Edmilson Pereira de Assis, presidente nacional da Febrac, realizou nesta terça-feira, 13, um jantar em que reuniu deputados federais e senadores e que teve como assunto principal a discursão da Reforma Tributária. O evento ocorreu no B Hotel, em Brasília.

Além do deputado federal General Girão (PL-RN), participaram do encontro cerca de 40 convidados, entre eles os deputados federais Arnaldo Jardim (Cidadania – SP), Alex Manente (Cidadania – SP),  Gabriel Nunes (PSD – BA), Gilson Marques (Novo – SC), Igor Timo (Pode – MG), Jorge Goetten (PL – SC), Laura Carneiro (PSD – RJ), Any Ortiz (RS) e Zé Neto (PT – BA), além do senador Izalci Lucas (PSDB – DF).

Edmilson Pereira enfatizou que o encontro teve por objetivo trazer luz aos pontos de atenção da pauta, que vão atingir em cheio o setor de serviços, caso os empresários não sensibilizem o parlamento quanto às consequências para a sociedade em geral.

”Os convidados discutiram pontos do relatório sobre a Reforma Tributária, divulgado pelo Grupo de Trabalho da Câmara dos Deputados (GT) na última semana”, destacou o presidente da Febrac.

Para o economista Paulo Rabello de Castro, presente no evento, o momento agora é de levar conhecimento técnico para os parlamentares e a forma mais inteligente de sensibilização para um assunto tão complexo, que impactará não apenas a vida das empresas, quanto do cidadão comum, que sentirá os reflexos tanto no preço dos produtos e serviços, quanto na ofertas de postos de trabalho.

Paulo Rabello de Castro presidiu o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), entre 2016 e 2017, durante o governo do ex-presidente Michel Temer. Em seguida, tornou-se o 35º presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), importante agência de fomento brasileira. A liderança do BNDES durou até abril de 2018. No mesmo ano, Paulo Rabello de Castro foi eleito o Economista do Ano pela Ordem dos Economistas do Brasil.

Fonte: Blog Hilneth Correia