Nova cartilha

Com objetivo de demonstrar os potenciais do Rio Grande do Norte e apresentando as informações econômicas que favorecem o estado no cenário brasileiro e nordestino, o MAIS RN – projeto da Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (FIERN) para o desenvolvimento do estado – vai lançar, em fevereiro, uma cartilha com os principais fatores que impactam a indústria potiguar com base em levantamento das informações feito durante o ano passado.

O documento, que será lançado junto com o novo site do MAIS RN, serve para o conhecimento geral como também é importante para o direcionamento de possíveis investidores interessados em prospectar projetos no estado.

A trainee Suellen Torres, que integra a equipe do MAIS RN, explicou que foram realizadas pesquisas voltadas aos principais fatores que impactam a indústria potiguar, como a geração de energias, a movimentação portuária, a exportação, a questão tributária, entre outras áreas. “Com isso, tornaram possível observar algumas informações que são de extrema importância para a valorização do Estado”, disse.

Ela ressaltou que, em resumo, é apresentada a liderança do RN em relação à produção das energias (eólica e petróleo em terra), os resultados da retomada econômica na movimentação tributária, o destaque em relação à aquicultura e a situação do emprego potiguar.

Os estudos são feitos com bases de dados públicos, como os da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e RAIS (Relação Anual de Informações Sociais), por exemplo, e “geralmente há a entrega de uma publicação em um de nossos cadernos informativos ou plataformas interativas (em Business Inteligence)”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.